25 de março de 2019
Compartilhar:

Existe certo x errado na organização?

Categoria: #organize

Em uma época onde a maioria acredita que a internet é terra de ninguém, muitas coisas nos são apresentadas e constantemente surge a dúvida se aquilo é certo ou errado. Não é?

Somos impactados por tanta informação, das mais diferentes maneiras: redes sociais, sites, em forma de escrita, vídeo e áudio, que muitas vezes nos questionamos internamente se aquilo é verdade ou não. Estou mentindo?

Recentemente fui impactada com um desses julgamentos de “certo ou errado” sobre o meu trabalho. Tratava-se de uma pessoa que se julga personal organizer (não sei se ela estudou e se certificou para tal rótulo), que se achava no direito de julgar o trabalho alheio para alavancar alunos para um curso que ela vai dar. Pior, usava imagem que não é permitida a reprodução e ainda a nossa logomarca que é patenteada e de direito exclusivo à Oliva Organizer. Mas o fato que mais me inquietou não foi dela agir de má fé com o meu trabalho, até porque quando a gente faz algo com amor e com técnica, respeitando a particularidade de cada cliente, não temos medo de sermos julgados porque temos segurança no trabalho que realizamos de maneira personalizada. Temos base para fazer o que a gente faz!  O que me inquietou foi o fato dela iludir pessoas, brincando de ser “Deus” julgando o certo x errado de diversos trabalhos para ganhar inscritos no curso.

A primeira coisa que me passou, foi pensar em tantas pessoas desempregadas no nosso país, tentando achar um meio de ganhar dinheiro para sustentar sua família (sim, a vida não está fácil! Tenho um pai e uma mãe vivendo nessa situação), muitas vezes essas pessoas podem pegar o único dinheiro que possuem para investir em um curso desses achando que sairá de lá profissional e conseguirá um emprego de organização. E foi essa bandeira que resolvi levantar em meu Instagram, e ganhei muito apoio! De várias pessoas: clientes, seguidores, colegas de profissão… Ao todo recebi 50 mensagens de whatsapp e 200 mensagens inbox no Instagram.

Primeiramente quero dizer duas coisas:

1- A Oliva Organizer é uma empresa séria, com CNPJ e registro de domínio, que paga seus impostos ganhando dinheiro de maneira legal e honesta consigo, com os clientes e com o Governo. Além disso, nossa logomarca e nome são patenteados no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial), cabendo o uso dos mesmos apenas por nossa empresa. Bem como toda e qualquer imagem postada por nós no site ou redes sociais, são autorizadas por escrito, por cada cliente que atendemos, dando permissão de uso de imagem SOMENTE à nossa empresa;

2- Não existe certo x errado na organização. Existe antes de mais nada o respeito e a ética profissional. Primeiro porque não podemos ficar julgando os outros e muito menos o trabalho que desenvolveram. Obviamente que muitos poderão concordar ou discordar do que foi feito e apresentado, eu também não gosto de um monte de trabalho de colegas de organização e de outras profissões, e nem por isso saio por aí julgando. Basta não curtir, não seguir… Não dar audiência e pronto!

Quando digo que não existe certo x errado, faço isso afim de esclarecer o por quê. Quando vamos realizar o trabalho de organização, o primeiro passo é fazer a visita técnica. É ali, nesse encontro que diagnosticamos o problema que nosso cliente têm, ouvimos suas necessidades e observamos o todo para fazermos o melhor projeto da vida dele. Durante a realização do projeto de organização, queremos por em prática tudo o que aprendemos nos cursos, usar toda a nossa experiência, mas às vezes a falta de espaço e o volume de coisas que os clientes têm, não nos permite ser 100% assertivos e aí vamos ajustando conforme o andamento. E isso é um problema? N-Ã-O! Não porque temos de organizar conforme os objetos que o cliente têm, no espaço que ele possui – ele desapegando de algumas coisas ou não. O que importa é sim estar munido de informações, de várias teorias, de muita experiência para pensar rapidamente em soluções quando o impossível não pode acontecer na casa dele. Cada cliente irá exigir suas particularidades (algumas que você não faria de jeito nenhum!), mas quem é que manda aqui? O cliente! Além do mais, estamos na casa DELE!

Temos sim de ter certificações e fazermos cursos constantes para nos mantermos atualizados, conhecer os mais diversos produtos organizadores – hoje com a internet, os clientes já conhecem muita coisa e até pedem os produtos muitas vezes, e você não poderá pagar o mico de “ah, não conheço esse”. Temos sim de compreender cada vez mais as necessidades dos nossos clientes e organizar de maneira prática e funcional no dia-a-dia deles, para que eles possam manter e ser donos da casa e não você. E detalhe, como personal organizer significa “organizador pessoal”, cada casa é um caso – volume de coisas e tamanho de espaços diferentes, cada cliente é de um jeito e tem uma necessidade específica. Então o que posso dizer é que trabalhe para ELE e não para postar fotos nas redes sociais para ganhar curtidas!

Ah, nem preciso dizer que acho ridículo um curso de “certo x errado” né?! Certo para quem? Errado para quem? Se o cliente amou e pagou para aquilo, está errado quem acha que está errado…rsrs. Porém, como essa é uma profissão que cada vez cresce mais, fica aqui meu apontamento para que quem quer ingressar nessa área, procure um curso de formação sério (eles não são baratos!), pesquise sobre o profissional e sobre o curso no Reclame Aqui, PROCON… Tenho ouvido muitos relatos de gente que paga pelo curso que não teve, gente que perdeu dinheiro em curso e não foi ressarcido… Então evitem fraudes com a melhor arma que temos em mãos: INFORMAÇÃO!

Duvido que depois desse artigo você irá me julgar, né?! <3

Se você gostou, compartilhe com quem precisa ouvir isso nas redes sociais. Ou se quiser me dizer se acha que estou certa ou errada, deixa seu comentário! 😉

Até o próximo! <3

2 respostas para “Existe certo x errado na organização?”

  1. Re Cerutti Personal Organizer disse:

    Querida Aline! Te admiro tanto que nem sei dizer. Es uma referência para mim como profissional e como pessoa. Determinada e transparente. Parabéns pelo texto, muito bem colocado. Como colega de profissão posso dizer que assino embaixo. Um grande beijo e sucesso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *